Batoquim

Conheça a história de Suho e seu cavalo branco. A trama se origina a partir de um mito da Mongólia, contada de geração em geração pela tradição oral, tornando-se muito popular no Oriente, em especial em países como Japão e China.

O livro Batoquim: um conto oriental traz pela primeira vez ao Brasil essa história, traduzida e adaptada pelas artistas plásticas Thais Ueda e Yumi Takatsuka. O livro conta por meio de uma narrativa leve e desenhos vibrantes produzidos à quatro mãos, cheios de cores, como uma o encontro entre um garoto e um cavalo forma uma bonita amizade e dá origem a um instrumento musical. Batoquim é uma encantadora lenda, repleta de música e aventura.

Batoquim: um conto oriental é o livro nº 13 da Lote 42.

Especificações Técnicas

Batoquim: um conto oriental autoras Thais Ueda e Yumi Takatsuka ISBN 978-85-66740-13-4 idioma português dimensão 22 x 28,5 cm edição 1ª, 2015 número de páginas 64 edição geral João Varella, Cecilia Arbolave e Thiago Blumenthal projeto gráfico Veruscka Girio

Batoquim: um conto oriental autoras Thais Ueda e Yumi Takatsuka ISBN 978-85-66740-13-4 idioma português dimensão 22 x 28,5 cm edição 1ª, 2015 número de páginas 64 edição geral João Varella, Cecilia Arbolave e Thiago Blumenthal projeto gráfico Veruscka Girio

“O leitor terá a oportunidade de pintar cenas maravilhosas do cotidiano, como situações com ônibus lotado, prestações atrasadas, relações familiares, entre outras. O que não pode é seguir o traço fino da arte, há de estabelecer uma perfeita harmonia com o que é proposto (fica a dica!).”

LiteraturaBR

“Alexandra Moraes satiriza moda de obras terapêuticas com sua tira O Pintinho, com traço feito no Paint. Nada de mandalas, flores, passarinhos, florestas encantadas. No livro, as atividades dizem respeito às desventuras da classe média brasileira.”

O Grito!